Início / NOTÍCIAS / Habilidades sociais resgatam dependente das drogas

Habilidades sociais resgatam dependente das drogas


4 junho 2020

Ninguém que busca tratamento no Centro Estadual de Referência e Excelência em Dependência Química, em Aparecida de Goiânia (CREDEQ – Prof. Jamil Issy), está conseguindo, plenamente, expressar seus desejos, opiniões, sentimentos e atitudes de forma adequada, tanto no contexto social e familiar, como no profissional. E, muito provavelmente, esta incapacidade em estabelecer afinidades consigo e com outras pessoas tenha se agravado com a dependência química.

E neste cenário, que o protocolo terapêutico do CREDEQ – Prof. Jamil Issy proporciona ao paciente duas importantes abordagens: física e psicológica. A primeira, iniciada com a desintoxicação, pela qual o paciente se vê livre da droga e percebe ser possível ficar vivo sem ela. A outra, o ensinará a viver sem a droga e se relacionar com o mundo que o cerca, sem que para isto preciso buscar forças para enfrentar os desafios em outras realidades senão em si mesmo.

Este trabalho é desenvolvido pelo terceiro alicerce do protocolo terapêutico, as ações psicoeducacionais, pelas quais o indivíduo aprende habilidades sociais, psicológicas e emocionais por meio de três programas: Candeeiro (Comunicação Assertiva), Treinamento de Habilidades Sociais (THS) e Prevenção de Recaídas (PR).

Esta trilogia possibilita ao paciente estar presente em sua realidade e assumir o controle da sua vida, abrindo caminho para se reabilitar. No que se refere a habilidades sociais, elas devem ser aprendidas e treinadas para se obter um ambiente familiar, profissional e social mais estável e amplo, que ajude a resguardar as pessoas de problemas cada vez mais comuns como depressão, vícios, ansiedade ou solidão.

A equipe de psicologia do CREDEQ – Prof. Jamil Issy oferece aos seus pacientes o Tratamento de Habilidades Sociais (THS), que auxiliam a restabelecer pontes entre o dependente químico, a sua família e a sociedade em geral. De acordo com a psicóloga clínica da instituição médica, Fabia Armellini, o dependente químico tende a afastar-se do convívio social, que inclui família, trabalho, espiritualidade, lazer e saúde, o que resulta em uma ruptura entre o indivíduo e a sociedade.

Essa quebra nos vínculos faz com que o foco seja unicamente no vício. A desintoxicação química é a primeira etapa do tratamento dos pacientes que chegam ao CREDEQ – Prof. Jamil Issy. Talvez seja uma das etapas mais importantes, pois revela, na prática, ao paciente que ele pode viver sem as drogas. É um grande choque. A partir de então, lhe é apresentado um novo mundo de possibilidades fora das drogas.

O tratamento de habilidades sociais auxilia o paciente compreender e expressar melhor seus sentimentos em uma realidade sem a droga. O que lhe capacita a se comportar de maneira assertiva, compreendendo a importância de se abrir para novos elos emocionais, rompendo os laços com o vício e criando laços com a sociedade e a família.

O paciente precisa assumir outros papéis, novas realidades onde a droga não seja o centro da sua vida, paciente e família precisar ser acompanhados para que o tratamento tenha eficácia informa a psicóloga clínica do CREDEQ – Prof. Jamil Issy, Fabia Armellini.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

16 maio 2024

Comissão De Ética Médica Do CRESM Toma Posse Na Sede Do CREMEGO

10 maio 2024

Equipe da Instituição de Ensino UniCAMBURY Realizam Atividade Educativa Sobre Nutrição Com os Pacientes do CRESM

7 maio 2024

CRESM Celebra Dia Mundial de Higienização Das Mãos Com Capacitação Para Equipe Técnica e Gincana Educativa

30 abril 2024

CRESM Promove 3º Semana do Planejamento e Qualidade

Prestação de Contas

Acessar

Fale conosco
Ouvidoria

Acessar

Compliance

Acessar

Acesso à Informação Organizações sociais

Acessar
plugins premium WordPress